Introdução ao Yoga

Sexta, 20 Setembro 2013 00:10 | Escrito por 

Caro irmão:

Pelo seu interesse manifestado em conhecer nossas práticas de Yoga, as quais conduzem a um maior bem estar físico e espiritual, temos a satisfação de entregar-lhe desde já, um exercício que o preparará para receber devidamente a preliminar Consagração e alcançar assim suas aspirações.

As Consagrações efetuam-se mediante um solene Ritual, na qual se invocam as Bênçãos dos Grandes Santos, Anjos e Hierarcas, que dirigem a evolução de todos os Seres. Suplica-se a Eles que jamais nos abandonem e que nos protejam de todo o mal. Que Eles nos ajudem a transpor todos os obstáculos do caminho e nos infundam a Sagrada Shakti ou Poder, para continuar sempre adiante no caminho da perfeição, chegando assim a ser servidores inteligentes e sem egoísmo, radiantes de felicidade para todo os Seres.

A Hierarquia de Seres Espirituais que dirigem a evolução desta Terra, tem um Supremo Chefe, o qual é Infinitamente Inteligente, possuidor de todos os Poderes e Eternamente Radiante de Glória; de atividade contínua, destinada a que se realize entre todos os Seres que se desenvolvem evolutivamente neste mundo terrestre, que Ele criou.

O nome pelo qual é conhecido este Grande Ser pelos Mahatmas da Hierarquia Branca é: Narayana. Os Mahatmas, Yogues ou Rishis invocam Sua divina proteção e cantam com alegria um Mantra composto de oito sílabas, o qual atrai a Divina Luz do Excelso Ser, mais a proteção dos espíritos presentes, nos momentos em que se canta o Mantra, obtendo também a proteção e bênçãos dos Santos de todas as religiões, dos Anjos dos sete planos e da Divina Mãe, Sri Yoga Devi.

Este Mantra está composto com palavras do idioma Sânscrito, o qual não deve ser traduzido, pois perderia o poder vibratório que em si mesmo possui. Este Mantra pode ser pronunciado em voz alta, porém é muito melhor, quando se repete mentalmente. O número de vezes que o Mantra pode ser repetido, depende do tempo que o discípulo disponha para efetuar a dita repetição; pode ser somente uma vez, vinte e quatro ou cento e oito vezes. Este último número é o que melhor resultado produz, e é por isso que lhe aconselhamos que ponha toda sua vontade e esforço em repetir este Mantra até conseguir as 108 vezes. O Mantra é o seguinte: OM NAMO NARAYANAYA. Agora explicaremos o significado das palavras que esta oração contém:

1 - Ao pronunciar a primeira sílaba OM, devemos imaginar que estamos dentro do Espírito Cósmico, que por sua vez, está dentro e fora de nós, compenetrando o Universo Infinito.

2 - A palavra NAMO tem como significado o seguinte: A sílaba NA, significa “não”, MO tem o sentido de “me”. As duas juntas formam a frase “Não Me” ou “Não Eu”. Porém NAMO também indica Glória, Felicidade em uma rendição total e completa à Sabedoria e Poder do Senhor Narayana. Explicarei em poucas palavras o porquê da palavra NAMO significar rendição e ao mesmo tempo felicidade.

Imaginemos que um garoto indo por um caminho é atacado por um animal furioso. Corre cheio de temor pedindo auxílio a seu pai ou à sua mãe, pessoas que ele sabe que têm o suficiente poder, sabedoria e amor para defendê-lo do ataque do animal, Aos gritos de auxilio, aparece seu pai e o filho corre aos seus braços e se entrega à sua proteção. O filho já não corre, nem se esforça em combater o animal; ele se entrega plenamente à destreza de seu pai, e seguro da sua proteção, sente sua alma cheia de felicidade.

Com este pequeno exemplo se compreenderá melhor o porquê a palavra Namo significar ao mesmo tempo entrega e felicidade.

Em seguida explicaremos a palavra Narayanaya, composta por três palavras. A primeira é NARA, cujo principal significado é diretor, e Yana indica idéia de imutabilidade ou daquilo que não é afetado por nenhum acontecimento mau ou bom que se produza neste mundo evolutivo. É o Senhor Eternamente Glorioso, Imutável, sem ser jamais afetado pelas contingências dos Mundos evolutivos. A palavra YA, que é a final, vem sendo indicativa de carinho e devoção.

Novamente explicaremos em seu conjunto as três palavras que compõem esta Sagrada Oração: Om Namo Narayanaya.

“Om Glória ao Deus da Terra Compenetrado pelo Espírito Cósmico”.

“Om rendo-me ao Supremo Diretor NARAYANAYA”.

Esta atitude mental de entrega total ao Ishwara ou Diretor Supremo (Narayanaya), tem sido ensinada por todos os Grandes Avatares e Mestres que tem tido a humanidade, assim por exemplo: Sri Krishna indica a Arjuna nos momentos antes de entrar no campo de Kuru, que invoque o Divino Poder da Divina Mãe Espiritual e se entregue sem restrições à Sua sábia direção. Mediante essa entrega unitiva, Arjuna teve o triunfo. Muitos outros Grandes Iniciados, como por exemplo, Jesus de Nazareth, que é para nós ocidentais o maior dos Seres popularmente conhecidos, ensinou a rendição ao Ishwara (Diretor Supremo da Terra), ordenando aos seus discípulos que orassem diariamente, dizendo: “Faça-se, a Tua vontade, assim no céu como na terra”, E quando no horto das Oliveiras disse as seguintes palavras: “Faça-se a tua vontade e não a minha”.

Se Ele, sendo um Cristo, se entregou à Divina Vontade, com quanta maior razão devemos fazê-lo nós que somos discípulos anelantes de maior perfeição.

Om Namo Narayanaya é a expressão de um dos mais potentes Mantras que pronunciado com pleno conhecimento e devoção, promove saúde física, sabedoria e poder, atraindo partículas Divinas que fazem com que nosso coração se ilumine com a luz do Espírito Santo, conduzindo-nos à glória transcendental.

Para executar este Mantra, siga as instruções seguintes:

Para controlar o número de repetições, pode-se usar um terço dos que usam os católicos em suas orações. Duas voltas desse terço, perfazem exatamente as 108 vezes indicadas antes. Se lhe for possível, pode queimar um pouco de incenso, ou alguma vareta aromática. Na hora em que você tenha escolhido para repetir mentalmente o Mantra 108 vezes, proceda assim:

1 - Sente-se em uma poltrona cômoda ou cadeira, olhando na direção onde nasce o Sol ou Norte.

2 - Relaxe todo o corpo.

3 - Feche os olhos e a boca.

4 - Coloque seu pensamento entre as sobrancelhas, imaginando estar ante a presença Radiante do Senhor da Terra, Sri Bhagavan Narayana. Não trate de vê-lo unicamente, deve ter a impressão de que você está através do Éter Universal, ante sua Divina Presença. A seguir, comece a recitação mental do Mantra prolongando a vogal na qual se encontra um traço acima. Cada vez que você pronunciar o Mantra, deve imaginar que mentalmente atrai a Energia Divina, ou Brahama Shakti do Senhor, ao fundo de seu coração. Este ato de atração mental da Divina Energia, é de suma importância e de grande beneficio.

A realização deste exercício contém alguns pontos principais; o primeiro consiste na concentração no Chakra Frontal, ou seja no Ajna Chakra, o qual sendo ativado, nos dá a visão mental. Para esta ativação, é absolutamente necessário que o discípulo aprenda a manter quieto seu pensamento aí, tendo-o como uni ponto de apoio para firmar o eixo mental. Se lhe for difícil imaginar uma figura humana radiante e gloriosa, pode imaginar um sol resplandecente de poderes e qualidades divinas. Esse Sol Divino representará para você o Espírito do Senhor Narayana, livre da forma física de um corpo humano.

Depois de haver idealizado uma ou outra destas Místicas formas, com grande devoção e Amor Divino, entoará o Mantra anteriormente indicado.

Terminada a recitação mental, permaneça cinco, dez, quinze ou mais minutos, segundo sua conveniência, pensando na Divina Luz do Senhor, atraindo com a sua imaginação, os Luminosos Raios, plenos de Sabedoria, Poder e Glória.

Quando estiver executando esta Atração Divina, conserve sua respiração suave e rítmica, sem fazer esforços.

Terminado o tempo que você reservou para este exercício, ponha-se de pé e diga o seguinte Mantra de despedida:

OM NAMAHA SRI PARAMA RISHIMIO YOGUIBIAHA

SUBHAMASTU SARVA YAGHATAM

O significado desta frase é: Om Glória aos Grandes Anjos Santos. Que eu e todos os seres sejamos eternamente felizes.

Havendo feito esta despedida, você deverá trabalhar ativamente em tudo aquilo que julgue de mais alta utilidade para o maior numero de pessoas.

Podemos assegurar-lhe que com a devota execução desta prática, receberá bênçãos do Excelso Senhor do Mundo e da Hierarquia Espiritual. Será protegido de todo o mal e guiado pela Inspiração Divina à felicidade material e espiritual.

OM NAMO NAMAHA

OM TAT SAT

Sri Vayera

Ler 46756 vezes Última modificação em Quinta, 17 Outubro 2013 10:17