Canto de Louvor a Brahma

Terça, 08 Outubro 2013 20:41 | Escrito por 

Vitória a Ti!, que és o Todo, a Suprema Divindade; Vitória a Ti! que Te consagras ao bem-estar dos mundos; Vitória a Ti!, Mestre do Yoga, ó Senhor! Vitória a Ti!, que através do Yoga transcendes o manifestado e o Imanifestado. Tu, a Origem do Lótus Cósmico (a manifestação), Tu és Onividente. Vitória a Ti!, que és o Senhor dos Governantes dos mundos; ó Tu, que transcendes o Passado, o Presente e o Futuro! Vitória a Ti!, que és pleno de divina beleza, e em tudo moras imanente.

Tu és a Estância de infinitas excelências. Vitória a Ti!, que és o Refúgio de todos; ó Tu, Narayana, o Excelso Mistério! Vitória a Ti!, que és de Transcendente Natureza, de Cósmica Personificação, Infalível, Senhor do Universo, Onipotente. Vitória a Ti!, que estás sempre presente impulsionado a consumação dos mundos. Ó Tu! a grande Serpente e o poderoso Javali; Tu, o Ancestral, o Radiante Shiva (Consumador); Vitória a Ti!, que és o Soberano; Tu, cuja vestimenta é resplandecente, Senhor de todo o Espaço; Morador Interno no Universo inteiro, Tu és Imaculado!

Tu, de Infinita Existência, manifestado e imanifestado; Tu, que impulsionas todas as Faculdades Cósmicas; Tu, Executor de toda auspiciosa ação; Tu és o Único Conhecedor de Tua própria natureza. Vitória a Ti!, que és o Sublime e o Dispensador de todo Amor. Tu, o Onisciente Brahm, o Sempre Presente em todos os seres; Tu, o Adepto em todo Conhecimento, e em todo Dharma sempre seguido pela Vitória. Ó Tu, o misterioso Princípio de Vida, a Alma de todo Yoga, a Origem da Criação manifestada. Ó Tu, o Primeiro de todos os seres, Diretor do processo samsárico mundanal. Vitória a Ti!, o Progenitor de tudo.

Ó Tu, que existes por Ti mesmo, de infinita manifestação; Tu, o Consumador de todo o Cosmo; o Impulsionador de todas as aspirações; Vitória a Ti!, que és o Supremo Brahm; Tu, amante da Vitória. Ó Tu, que estás envolvido (absorvido) na criação e consumação; Senhor do Amor, Suprema Divindade, Origem de toda Imortalidade, Senhor da Liberação e Doador da Vitória. Senhor de todos os mundos, Regente, Excelsa Divindade. Origem do Lótus Cósmico, Todo-Poderoso, Criador de Si Mesmo, Ser Supremo, Senhor de todas as Essências; Vitória a Ti, para sempre e sempre!

A Deusa-Terra representa Teus pés; os Espaços, Teus dois braços; o Céu, Tua coroa; o Átman, Tua manifestação. Os Regentes dos Mundos são Tuas extremidades; o Sol e a Lua são Teus dois olhos. Toda a energia, austeridade, verdade e atividade funcional no Cosmo estão compenetrados por Tua Lei; o Fogo é Tua radiância; o Vento é Teu alento, e todas as Águas são Tua transpiração. Teus ouvidos são os Gêmeos Aswin; a Deusa de Eterna Sabedoria é sempre Tua palavra. Os Vedas estão repletos de regulamentos ordenados por Ti, e todos os mundos repousam em Ti.

Ó Senhor de todos os Yogues, e Eterno Vencedor! Nós não conhecemos Tua totalidade ou dimensão, nem Tua Glória, nem Tua Energia, nem Teu Poder. Ó Senhor!, sempre jubilosos e com intensa devoção a Ti, nós Te buscamos com toda disciplina e adoração, ó Vishnu!, que és o Grande Senhor a Maheshwara. Tu és o Último Refúgio de todos os seres, o Diretor e Mestre de todos os mundos; Supremo Senhor, por Tua Graça os Imortais são abençoados. Ó Senhor!, concede-me a realização de meus anelos para estabelecer o Dharma e a transformação do Adharma, para a preservação do processo samsárico mundanal. Ó Vasudeva!, Tu, o Senhor, através de Tua Graça estou capacitado para proclamar Teu Verdadeiro e Supremo Mistério, assim como ele é.

Ler 17885 vezes