Sexta, 24 Agosto 2012 13:19

Algumas considerações sobre o Bhāvana

O conjunto de termos técnicos sânscritos que formam a nomenclatura da filosofia śuddha necessita ser bem compreendido, pois cada um dos termos apresenta uma gama de significados, dependendo do seu contexto. Esta é a razão, inclusive, pela qual se orienta as pessoas a se familiarizarem com os conceitos expressos por estes termos, evitando a tentação de traduzi-los.


Publicado em Artigos
Segunda, 06 Agosto 2012 00:45

Atrevamo-nos, já que somos humanos

*******
Este artigo é um manual útil a todos aqueles que pretendem dar o primeiro passo na senda da Yoga Brahma Vidyā, A Ciência Sintética do Absoluto. O critério transcendental é o único capaz de identificar a autêntica vida śuddha.
*******

Exige-se daquele que deseja seguir os princípios e práticas do Śuddha Dharma (Essência da Espiritualidade; Lei Pura), que é o único que pode conduzir ao Yoga em seu sentido integral, que consulte o seu próprio coração mais de uma vez antes que se decida a fazê-lo. Este conselho é decisivo: não se pode deixar um problema acontecer para resolvê-lo no meio do caminho, nem convém ao interessado fazer-se de desentendido quanto a esta decisão. Cabe, em vez de fazer-se de desentendido, perguntar a si mesmo se o seu desejo é garantia suficiente para trilhar o caminho. Também é o caso de se perguntar se os princípios do Śuddha Dharma são realmente tão rigorosos ao ponto de impedir alguém de segui-los. Há que se averiguar, enfim, em que consiste consultar o seu próprio coração.


Publicado em Artigos
Domingo, 22 Abril 2012 10:46

O que é o Śuddha Dharma? (1)

O śuddha (essência, puro) dharma (sagrado) constitui a matéria, por excelência, de que trata a Bhagavad Gītā. Representa a revelação do sentido essencial (śuddha) de sagrado (dharma) feita por Kṛṣṇa a Arjuna.  Embora permeie todos os sistemas sectários – tanto ortodoxos (Vedanta, Shivaísmo, Samkhya, Yoga, etc.) como heterodoxos (Tantra, Budismo, Jainismo, etc.) – também os transcende, visto que o śuddha dharma não pode ser reduzido a palavras e sistemas, representando, antes, a experiência única decorrente do estado de espírito alcançado por Arjuna no momento que antecede a grande batalha da qual tomará parte.


Publicado em Artigos