Ecos do Dharma

Ecos do Dharma

Ecos do Dharma é uma coletânea de textos universais e das várias tradições religiosas, que conduzem à reflexão, tendo como finalidade enaltecer e difundir conceitos que são identificados com o novo Dharma, ou seja, o Suddha Dharma. "Ecos do Dharma" é editado pela Grande Síntese, por iniciativa dos Fomentadores da Justa Ação.

Terça, 17 Setembro 2013 14:18

De Malas Prontas

Temos a convicção de que esta vida aqui é uma estação de uma longa viagem, de origem e destinos desconhecidos. Mas todas as vidas, a minha, a sua, a de todos, passam pelo mesmo caminho que leva ao crescimento humano e espiritual. Tem quem queira prosseguir a viagem. Tem quem queira passar voando pela estrada. Tem quem queira interrompê-la abruptamente. Tem quem passe alheio a tudo, até mesmo à vida. Esse aí não vive, na verdade… passa o tempo inteiro da viagem sentado à beira do caminho. Sem aprender, sem progredir… sem crescer. Não viaja , nem vive…só sobrevive. Para alguns a viagem é curta … nem chega a desembarcar, embarca de volta. Há quem leve na bagagem experiências ruins e aprende com elas.

Terça, 17 Setembro 2013 13:19

Entrego, Confio, Aceito e Agradeço

Envolvidos por uma situação de estresse violento,de desafio alarmante, assaltados pela dor em forma de doença, pelo desemprego, pelo desconforto, quando imersos numa crise que ultrapassa nossas esperanças de solução, é imperioso mobilizar todos nossos talentos, poderes, possibilidades e nossas reservas, para tentar uma saída, uma superação. Depois disso, se ainda nos vemos submetidos, tolhidos, derrotados, extenuados, vencidos, condenados... que resta fazer?

Quarta, 11 Setembro 2013 18:51

Do Mestre ao Discípulo - O Escorpião

Um mestre viu quando um escorpião estava se afogando e decidiu tirá-lo da água, mas quando o fez, o escorpião o picou. Pela reação de dor, o mestre o soltou e o animal caiu de novo na água e estava se afogando. O mestre tentou tirá-lo novamente e outra vez o animal o picou.

Quarta, 11 Setembro 2013 18:00

Abrindo Portas

Devemos sempre ter em mente  a seguinte afirmação: Eu sou a minha casa, na minha casa há duas portas. Uma me liga a Deus – Luz imensa, tão maravilhosa e curadora! A outra é de sombra: sofrimento, dúvida e o uso de uma linguagem afastada do amor e da gratidão. Eu escolho o que vai entrar na minha casa. Fecho uma porta e abro outra através de meus atos, invocações,  pensamentos, palavras... E muita disciplina.

Quarta, 11 Setembro 2013 17:52

A Transformação Através do Amor

Somos seres com uma só vida, porém com muitas existências. Estamos nesse caminhar a milênios. Iniciamos como centelhas inteligentes, mônadas cintilantes criadas pelo Pai. Nessa viagem de mineral a vegetal, vegetal a animal, animal a hominal, estamos aperfeiçoando a nossa forma de viver e sentir. Para essa centelha divina viver suas experiências, ela criou um escudo em sua volta, de matéria densa. No ser hominal, esse escudo é o corpo físico. Ainda grosseiro, gerando emoções muito densas também.

«InícioAnt12345678910PróximoFim»
Página 2 de 21